sexta-feira, 24 de julho de 2009

BE STILL, MY POOR HEART...


"Se vieres, por exemplo, às quatro horas da tarde, a partir das três horas começo a ser feliz. Quanto mais se aproximar a hora, mais feliz me sentirei. Às quatro horas perturbo-me e inquieto-me; descobrirei, assim, o valor da felicidade! Mas se vieres seja quando for, nunca sei a que horas hei-de ataviar o coração.. São precisos ritos.”

(Principezinho)

2 comentários:

Mae Frenética disse...

Estive a reler o principezinho e averdade é q só agora é q percebi a maior parte das coisas...

mãeee disse...

Ora, eis um livro ao qual volto de tempos a tempos, nem que seja para os ler aos piquenos cá de casa ... e sempre que viajo com esse príncipe acende-se mais um foco de entendimento no coração ...
Beijos