sábado, 16 de maio de 2009

HOJE, E SÓ HOJE

man on wireTenho sérias dificuldades em acreditar no destino.

Tenho sérias dificuldades em acreditar no amor.

Tenho sérias dificuldades em acreditar em finais felizes.

Olho à volta e não vejo sentido, não vejo caminho. Sinto-me em parco equilíbrio mas, curiosamente, não tenho medo de cair. A vida parece um lugar estranho onde não me encaixo mas de onde não quero sair.

Hoje, e só hoje, acredito que não há sentido em nada e que as coincidências são apenas isso. Coincidências. Sinto que toda a vida acreditei em conceitos errados e que está na altura de crescer.

Hoje, e só hoje, não acredito em almas gémeas nem telepatia nem em empatias nem em amor à primeira vista. E já que estamos neste espírito, repudio a paixão e a atracção.

Hoje, e só hoje, convenço-me de que vou deixar de me emocionar com uma música, um filme ou um livro porque nada disso é real e não vale qualquer tipo de sentimentos.

E depois… Depois recordo o sorriso do meu filho, relembro a emoção de um primeiro beijo, penso numa qualquer altura em que 2 olhares se cruzaram e o coração acelerou, ouço na minha cabeça a gargalhada de amigos, sinto a brisa quente de uma tarde de verão no meu rosto na minha língua o sabor de um vinho tinto, ouço uma música que adore e algo acontece…

A respiração acelera-se e, simultaneamente, um sorriso aflora os meus lábios e uma lágrima os meus olhos e eu sei que tudo isto é mentira porque é mais forte que eu. E eu vou sempre acreditar que tudo acontece por um motivo.

Como diria o meu bom ‘amigo’, o Visconde de Valmont: “It’s beyond my control…”

8 comentários:

Mãe da malta disse...

E quando acreditamos tudo parece mais fácil.

Mente Quase Perigosa disse...

Olha, que há dias que eu acho precisamente o contrário. Sem expectativas, pelo menos, não há ilusões...

calamity jane disse...

É a segunda vez que me arrepias hoje, cabra.

Mente Quase Perigosa disse...

My pleasure, CJ!!!

:p

sem-se-ver disse...

a tua vida era muito mais difícil se tu deixasses de acreditar.



(e ora aí está um interessantíssimo filme que escolheste para foto do post)

disse...

Que posta magnifica!

Mente Quase Perigosa disse...

SSV, continuo na dúvida...

Thanks, Zá

Anónimo disse...

C7- Telepatia sabes que existe..
Um beijo enorme